segunda-feira, 23 de junho de 2008

The first kiss.

Hoje eu estava indo para a faculdade e lembrei de você. Você, quem nunca mais vi. Estava tocando November Rain na academia aqui perto, e não pude deixar de recordar aqueles tempos, aqueles dias poucos em que deitávamos na grama com seu discman e ouvíamos quase a discografia inteira do Guns n'Roses.

Lembra? A gente comprava coca-cola 2L e nos fingíamos de drogados, e dizíamos que um dia ficaríamos bêbados juntos ouvindo aquelas músicas. E pensar que até um ano atrás eu dizia que nunca iria beber, ah, eu tinha esquecido dessa promessa. Se não fosse na faculdade, seria com você. Se te encontrasse de novo.

Lembra? Você criticava meus rabiscos na calça jeans velha, me mandava rasgar logo. Mas eu tinha medo da minha mãe brigar. E você ria daquele jeito gostoso, único, e me prometia que quando tivesse sua banda ia cantar uma música pra mim em cada show que fizesse. E todas me invejariam. A gente ouvia Nirvana e você dizia que ia me dar um allstar preto no meu aniversário, e eu achava aquilo o máximo.

Lembra daquele aniversário que você se comportou que nem criança e eu morri de raiva, porque queria que me beijasse, mas você era lerdo demais? Mas, no fim da noite, nós dormimos de mãos dadas e ficou tudo bem, porque aquilo significava muito mais do que qualquer beijo dado até hoje. E então você tocou violão só para mim tantas vezes, e eu pensava que nunca estaria tão apaixonada como naquele ano.

Eu não tinha mais que 14 anos, e você tinha 13. E pensávamos que tudo ia ser pra sempre, e planos de uma vida que nunca aconteceu foram feitos. Eu não sei onde você está agora, nem se lembra de tudo isso, mas em um show por aí a gente vai se encontrar, e a minha música eu vou cobrar.

25 comentários:

Rafael Abreu: disse...

De uma simplicidade incomparável!
Você escreve tão doce, Darshany!

LindaRê disse...

Aaaaaah, que lembrança linda.
Esses amores antigos são tão românticos.


Beijos

Diego Martins disse...

lembranças são sempre as coisas mais gostosas que levamos com a gente.

=).. Gosto do jeito que escreve, suave.

beijO

Talita disse...

A gente nunca vai esquecer esse tipo de coisa.Nunca.

;*

Aline Dias disse...

que coisa mais bonita!
gostie muito muito de ler.
e postei no batata

andre disse...

Concordo com todo mundo aqui de cima, e acrescento que você consegue ser doce mesmo escrevendo coisas tão românticas quanto "nos fingíamos de drogados, e dizíamos que um dia ficaríamos bêbados juntos".

♥ Ca ♥ disse...

auiiiiiii que lindooo
hahahaha apaixonada por um futuro músicooo
ADOREI O TEXTO!
=]

aii muito fofo hahaha
beijooo linda té mais

Shelha disse...

AHHHHH darsh!
O teu texto como sempre lindo, só que eu lembrei de um bando de coisas que não devia x.x

(meu professor de violão era meu namorado, então...não deumuito certo, porque eu não aprendi muita coisa)

hehehehe

vê se escreve mais que tu somes!

Poesia! disse...

Bom dia!
nao deixe de enviar sua pessoa em versos para O Fogo Anda Comigo!
Amplie este SARAU AMPLIFICADO!
abçs
silas

Flá. disse...

:D
massa massa o texto, shane!
Engraçado como a vida era simples nessa idade, né? parece que foi ontem (olha eu melacolicamente caminhando para meus 20 anos O.o)

Mas é isso. Viva a juventude.rsrs
bjão!!

MH disse...

Putz, que bonitinho hj.
E na hora do "dormimos de mãos dadas" eu quase chorei. Caraca, eu to ficando mais velho...tudo me da vontade de chorar...ate filme de terror.

Ah....qto a coca dois litros. de tomar tudo da porre mesmo rsrsrs

Vitor Graize disse...

um final que lembra bons momentos da obra de El Rey Roberto Carlos, e isso é ótimo. haha

Rafael Dias disse...

Primeiro, Gun's é animal! uhuuull!!
Segundo, representou muito bem o momento.
Ah, final de periodo matando...

bjo

Fiore disse...

Aiiiii sua boba..
vc me fez chorar com esse post!
senti tantas saudades..
de tantas coisas..
te amores passados!
aiiiiiiii

lindo!
bjao shany!

mOnI disse...

Lindas lembranças...

Thiara Pagani disse...

Ótimo blog... Muito bom mesmo.
Ja esta na minha lista, sempre que possivel passarei aqui.


Ahh... Muito bom o Batata!

Rui Caetano disse...

Bom fim de semana

Identidade Viva! disse...

Um lindo texto...
Um lindo potencial jornalístico...

Bjinhos

Lari Bernardi disse...

Nhaim... q lindooo... *-*

Darsh sempre me faz lacrimejar...

;****

LindaRê disse...

Não tinha outra coisa aqui?
Tô confusa!

bia de barros disse...

*-*

que coisa mais eternacriança ever!

amei.

*;

Dani Antunes disse...

O que dizer além de que é sempre muito gostoso ler as coisas que a sua pessoa escreve?!

Ah... Muito bom mesmo isso aqui! ;)

Lindo demais. Também me lembrei de várias fases da minha vida...

Delícia de texto!!

Beijocas

Loh_rayne disse...

Aii que texto mais doce; e mais lindo !

adoro seus textos;e meu cabelo é normal flor; haha
mais mesmo assim obrigada !

beijos :*

Aline Dias disse...

tá na hora de postar no batata!

MH disse...

EI...JA TA NA HORA DO SEGUNDO BEIJO...esse textinho ja ta velho

bj